Queda de árvore deixou freguesias sem luz durante duas horas

O acidente provocou um curto-circuito , algumas faíscas e cortou a corrente elétrica

A queda de uma árvore sob uma linha de média tensão deixou sem luz, durante cerca de duas horas, a aldeia de Rebordões, em Ponte de Lima, e "várias" freguesias vizinhas, disse à Lusa o comandante dos bombeiros, Carlos Lima.

Segundo o comandante, o incidente ocorreu cerca das 8:43 de hoje, 23 de fevereiro, no lugar de Murjal, Rebordões, quando "um homem procedia à limpeza e abate de árvores num terreno privado, situado junto à capela da Boa Nova, cumprindo a legislação em vigor que obriga a criação de faixas de gestão de combustível de 50 metros em redor dos edifícios inseridos em espaços rurais e de 100 metros em torno de aglomerados populacionais".

O responsável adiantou que "a EDP foi chamada ao local, tendo retirado a árvore com recurso a uma grua e restabelecido o fornecimento de energia elétrica perto das 10:50".

A agência Lusa contactou a direção de redes da EDP Norte mas sem sucesso.

O comandante dos bombeiros de Ponte de Lima explicou que a queda da árvore sobre a linha de média tensão "provocou um curto-circuito e algumas faíscas e cortou a corrente elétrica que fornece várias freguesias mas não causou ferimentos no homem que procedia ao seu abate".

"O homem estava a limpar o terreno e a proceder ao abate de árvores para cumprir a distância obrigatória e algo correu mal porque a árvore caiu no sentido contrário ao pretendido", explicou.

Ao local, além dos bombeiros e do piquete da EDP compareceu uma patrulha da GNR local.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG