David Justino já tem substituta no Conselho Nacional de Educação

O PS vai propor Maria Emília Brederode Santos para a presidência do Conselho Nacional de Educação (CNE), substituindo ex-assessor de Cavaco

A proposta será formalizada esta sexta-feira no Parlamento, onde a eleição terá lugar dia 20. Os socialistas convidaram todos os partidos a serem proponentes..

Com a eleição de Maria Emília Brederode Santos, cessará o mandato de David Justino, presidente do Conselho Nacional de Educação desde 2013, eleito pela então maioria PSD/CDS.

David Justino, que foi também assessor político do Presidente Cavaco Silva durante os seus dez anos de mandato, além de ministro da Educação entre 2002 e 2004 (governo de Durão Barroso), poderia ver o seu mandato no CNE prorrogado por mais quatro anos.

Porém, o PS decidiu não o fazer, por querer na presidência daquele órgão alguém sintonizado com a maioria de esquerda. A eleição na AR carece apenas de maioria absoluta - ou seja, não passa por acordo com o PSD, como outras (por exemplo, a do Provedor de Justiça).

Maria Emília Brederode Santos integra atualmente a 4ª comissão especializada do CNE, a que trata dos temas do "Conhecimento Escolar, Organização Curricular e Avaliação das Aprendizagens".

Natural de Lisboa, 75 anos, é llicenciada em Ciências da Educação pela Universidade de Genebra (Suiça) e mestre em Análise Social da Educação pela Universidade de Boston. Foi Presidente do Instituto de Inovação Educacional do Ministério da Educação de 1997 a 2002 e co-dirigiu durante dez anos no DN uma página de Educação.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG