Pires de Lima anuncia saída do CDS-PP

"Amanhã deixarei de ser militante". António Pires de Lima, afirma que o partido bateu no fundo.

"O partido bateu no fundo. E, para mim, digo com a maior das tristezas, isto é o fim da linha. Para mim, a partir de amanhã deixarei de ser militante do CDS", disse o antigo vice-presidente do CDS-PP em entrevista à SIC Notícias.

Pires de Lima desvincula-se do partido depois deste sábado o ex-deputado Adolfo Mesquita Nunes ter anunciado no Facebook ter pedido a desfiliação do partido em que milita há 25 anos.

Mas não foram os únicos, também durante este sábado Manuel Castelo-Branco, Inês Teotónio Pereira e João Maria Condeixa também terem abandonado o partido centrista.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG