Ronaldo recebe crianças doentes. "Bastou um pedido. Um email"

Um grupo de crianças da Associação Princesa Leonor e da Terra dos Sonhos esteve com o jogador no hotel em Cascais onde a seleção estagiou ao longo da semana passada.

"Bastou um pedido. Um email", escreve no Facebook Vanessa Afonso, a mãe de Leonor, a Nonô - que aos cinco anos, em 2014, perdeu a batalha contra o cancro. Diretora da Associação Princesa Leonor - Aceita e Sorri, Vanessa Afonso levou duas meninas ao encontro de Cristiano Ronaldo no hotel em Cascais onde a seleção nacional está desde há uma semana.

Ao lado de Emma e a Alícia estiveram outras crianças da Terra dos Sonhos. "Obrigado Cristiano Ronaldo, pela simpatia e pela enorme alegria que proporcionaste. És grande!", agradeceu esta organização sem fins lucrativos nas redes sociais.

O capitão da seleção portuguesa, que venceu ontem a Hungria em jogo de apuramento para o Campeonato do Mundo de 2018, também mostrou a sua felicidade por ter "conhecido crianças incríveis", que são "uma verdadeira fonte de inspiração" para o craque português, que em 2015 liderou o ranking do site Athletes Gone Good dos 20 atletas que mais se envolveram em causas beneficentes.

Vanessa Afonso acrescentou que quando precisou de Cristiano Ronaldo, este "esteve e não falhou". "Nunca escondi de ninguém a admiração profunda que nutro por aquele a quem eu e a Nonô chamamos de 'nosso menino'. Nunca escondi de ninguém que lhe devo mais do que a minha vida. (...). Nunca escondi de ninguém que estar na sua presença é também a maior das minhas alegrias. Hoje foi um dia muito feliz. O primeiro de mais que se seguirão. Obrigada, Cristiano Ronaldo".

"A Emma e a Alícia mal conseguiram exprimir as suas emoções perante a felicidade de realizarem o sonho de estarem com o seu heróis", diz ainda a mãe da princesa Nonô.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG