Sobe para 63 número de infetados em lar em Ponte de Lima

Mais oito utentes da Casa da Caridade de Ponte de Lima, no distrito de Viana do Castelo, estão infetados com o novo coronavírus, fazendo subir para 63 o número total de casos na instituição, disse esta sexta-feira o diretor.

Agostinho Freitas explicou à Agência Lusa que o aumento surge na sequência dos testes realizados na quinta-feira aos 12 utentes que tinham testado negativo. Os únicos quatro utentes que não estão infetados com o novo coronavírus vão ser transferidos durante a tarde de hoje para uma unidade hoteleira em Ponte de Lima.

Aquele serviço foi "contratualizado pela instituição, em parceria com a Câmara de Ponte de Lima". Do total de idosos que a instituição acolhe (67), 63 estão infetados.

"Os utentes permanecem na instituição. O seu estado de saúde é estável. Estão com alguns sintomas como problemas respiratórios, dores de garganta, e náuseas. Não houve necessidade de recorrer ao hospital, onde permanece apenas um idoso de 85 anos", referiu Agostinho Freitas.

Além dos utentes, 11 dos 33 funcionários da instituição estão infetados.

O surto de covid-19 associado a esta estrutura residencial para pessoas idosas (ERPI) teve início na última sexta-feira, com a confirmação dos dois primeiros casos em utentes.

No sábado, a instituição acionou o plano de contingência e, no domingo, "foram testados todos os utentes e colaboradores da ERPI", sendo que os resultados foram conhecidos na terça-feira e separados os utentes positivos dos negativos.

Mais Notícias