PJ publica fotograma de homem que violou jovem na Queima das Fitas

Polícia Judiciária pede ajuda para identificar homem que disse chamar-se "Santiago" e que terá sotaque castelhano. Crime ocorreu a 10 de maio do ano passado no Queimódromo do Porto.

Desde o final de junho que a Polícia Judiciária tem na sua página um pedido de colaboração para ajudar a identificar - e localizar - o alegado violador de uma jovem no recinto da Queima das Fitas no Porto. O crime ocorreu a 10 de maio de 2019.

Na imagem partilhada - um fotograma (um frame de um vídeo captado por uma câmara de videovigilância), o rosto do homem não é facilmente reconhecido, mas na informação divulgada pela PJ é revelado que disse chamar-se "Santiago" e ter 28 anos.

"Poderá ser natural/originário de Espanha", diz ainda a nota, uma vez que se expressou "em língua castelhana".

A Polícia Judiciária revela que o violador terá "1,70 m-1,75 m" de altura, é caucasiano e de compleição física normal.

É investigado pela prática de "um crime de violação, ocorrido no passado dia 10-05-2019, no interior do espaço - Queimódromo - onde decorriam as festividades da semana académica universitária do Porto", lê-se ainda no pedido de colaboração.

A PJ diz que ficou apurado que "o autor do facto penal trata-se do indivíduo que consta nos dois fotogramas".

Esta polícia pede para que qualquer informação relativa ao caso seja comunicada através dos telefones 225582000 (geral) 225088644 (piquete), e-mail directoria.porto@pj.pt,ou ou ainda para qualquer departamento da Polícia Judiciária, fazendo referência ao número da difusão (n.º 7/2020).

Mais Notícias