Dois elementos da PSP de Faro detidos por tráfico de cocaína

São suspeitos de integrarem uma organização criminosa transnacional dedicada à introdução na Europa de grandes quantidades de cocaína.

Dois dos quatro detidos pela Polícia Judiciária, por suspeita de integrarem uma organização criminosa transnacional dedicada à introdução na Europa de grandes quantidades de cocaína, são elementos da Polícia de Segurança Pública.

Segundo fonte do gabinete de relações públicas da PSP, dois dos quatro detidos são elementos da Polícia de Segurança Pública de Faro, sendo agora instaurado em paralelo um processo disciplinar interno que, "atendendo à gravidade da situação, pode originar suspensão e desarmamento".

A Polícia Judiciária apreendeu 375 quilogramas de cocaína dissimulados num contentor que transportava bananas, num centro logístico a norte de Lisboa, e deteve quatro cidadãos nacionais entre os 33 e os 56 anos de idade.

Os detidos foram presentes à autoridade judiciária competente no fim de semana, tendo-lhes sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Em comunicado a Polícia Judiciária adiantou que a apreensão foi feita no âmbito de uma operação de combate ao tráfico internacional de estupefacientes, realizada pela Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes com o apoio da Autoridade Tributária e Aduaneira.

O contentor tinha chegado recentemente a Portugal, por via marítima.

Os detidos em flagrante delito são suspeitos de integrarem uma organização criminosa de cariz transnacional dedicada à introdução, no Continente Europeu, de grandes quantidades de cocaína, proveniente da América Latina.

Durante a operação foram ainda apreendidas três viaturas, bem como diversos objetos e documentação, com interesse probatório.

Mais Notícias