Bebé atropelada na Amadora encontra-se estável e em observação

A criança de três meses está internada no Hospital de Santa Maria. Está consciente e é considerada ferido ligeiro.

A bebé de três meses atropelada esta quarta-feira de manhã numa passagem de peões, na Amadora, no distrito de Lisboa, encontra-se estável no Hospital de Santa Maria, tendo sido considerada ferido ligeiro, informou a PSP à agência Lusa.

De acordo com o subintendente da PSP da Amadora José Ferreira, às 12.30 horas a bebé estava em observação hospitalar. "Numa primeira análise, foi considerada como ferido grave. Cerca das 12.30, na última comunicação que fiz para o hospital, fui informado de que a bebé estava estável, estava consciente, portanto, estaria considerada como ferido ligeiro", disse.

Às 10.20 horas, uma bebé de três meses de idade - que seguia num carrinho conduzido pela sua mãe - foi atropelada numa passadeira na Rua das Indústrias, na freguesia da Venda Nova, junto à estação de comboios da Reboleira.

"Um veículo de passageiros colidiu com o carrinho da bebé, tendo o carrinho sido arremessado. A bebé acabou por sair do carrinho e ficou postada no solo", afirmou o subintendente.

Segundo José Ferreira, o condutor do veículo que atropelou a criança tem 77 anos e já fez o teste de despistagem de álcool no sangue, tendo acusado negativo. O subintendente acrescentou que vai decorrer um inquérito para apurar as circunstâncias do acidente.

"Os pormenores vão ser apurados no inquérito. Há duas testemunhas que afirmam que havia uma carrinha parada ou estacionada em segunda fila antes da passadeira que dificultava a observação quer dos condutores, quer dos peões. Poderá ser uma das possíveis causas de ter acontecido o acidente", explicou.

Mais Notícias