Ricardo Rio: “E como disfarçar? A vaidade está lá”

Por Ana Tulha Vejo bem… Vejo-me bem. Genuinamente autêntico, sem máscaras ou dissimulações. Na alegria, na energia, no bom humor, na determinação, na amizade. No prazer enorme de fazer acontecer. Na capacidade de resistir e persistir até chegar à meta. No rasgo na dificuldade. Nas convicções. No gosto de estar com os outros. Na tranquilidade de espírito que me deixa dormir (pouco mas) sereno a cada noite. Nas paixões incondicionais. Vejo mal… E como disfarçar? A vaidade está lá. Como talvez fosse incontornável depois de ser embalado desde o berço ao som do “Menino d’oiro” do Zeca. A teimosia também. […]

Para saber mais clique aqui: www.noticiasmagazine.pt

Mais Notícias