Washington vai tomar medidas contra organizações ligadas a movimento que boicota Israel

Estados Unidos vão tomar medidas imediatas contra as organizações ligadas ao movimento BDS

Os Estados Unidos vão tomar medidas imediatas contra as organizações ligadas ao movimento BDS para boicotar Israel, considerado antissemita, declarou esta quinta-feira em Jerusalém o chefe da diplomacia americana, Mike Pompeo.

"Hoje eu quero fazer um anúncio. Vamos tomar medidas imediatas para identificar as organizações envolvidas na campanha de ódio liderada pelo BDS e retirar o apoio dos EUA a esses grupos", disse Mike Pompeo.

O secretário de Estado dos EUA anunciou também que visitará durante o dia de hoje os montes Golã, um território sírio ocupado por Israel desde 1967 e sobre o qual a administração Trump reconheceu a soberania israelita.

Mike Pompeo confirmou a visita aos montes Golã - que já tinha sido admitida pelos media israelitas - durante uma conferência de imprensa conjunta com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, em Jerusalém.

Mais Notícias