Supremo anula decisão de Moro pela primeira vez e Lula pode ser beneficiado

Condenação do ex-presidente do Banco do Brasil por corrupção e lavagem de dinheiro ficou sem efeito. Lava-Jato diz temer anulação de todas as outras condenações, inclusivamente a do antigo presidente. É considerada a maior derrota da história da operação.

O Supremo Tribunal Federal (STF) anulou pela primeira vez uma condenação de Sergio Moro na Operação Lava Jato. Segundo o entendimento de três dos quatro juízes que se pronunciaram, a sentença aplicada por corrupção e lavagem de dinheiro a Aldemir Bendine, que presidiu ao Banco do Brasil e à Petrobras, fica sem efeito por ter sido cerceado o direito de defesa do réu.

Considerada a maior derrota da história da Lava Jato e do hoje ministro da justiça do Brasil, a decisão do Supremo Tribunal Federal pode causar efeito cascata sobre as outras sentenças proferidas no âmbito da operação. "Se o entendimento for aplicado nos demais casos da Operação Lava Jato, poderá anular praticamente todas as condenações, com a consequente prescrição de vários crimes e libertação de réus presos", diz texto divulgado pelos procuradores.

Segundo Cristiano Zanin, advogado de Lula, a mesma questão técnica que presidiu à decisão do STF sobre Bendine pode aplicar-se ao antigo presidente. Em entrevista ao jornal O Globo disse que vai avaliar se entrará com novo recurso pedindo para o tribunal anular condenações contra Lula.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG