Sete migrantes mexicanos tentam entrar a nado nos Estados Unidos

Um grupo de migrantes aproximou-se do muro que divide Tijuana, no estado de Baja California, e San Diego, nos Estados Unidos

Sete migrantes da América Central cruzaram o México até aos Estados Unidos, por via marítima, vindos da cidade mexicana de Tijuana, mas foram detidos, segundo informaram terça-feira as autoridades locais.

Na noite de segunda-feira dia 15, um grupo de migrantes aproximou-se do muro que divide Tijuana, no estado de Baja California, e San Diego, nos Estados Unidos, segundo o Corpo de Bombeiros de Tijuana.

Aproveitando a densa neblina que bloqueava a visibilidade, os migrantes tentaram atravessar o país a nado.

No entanto, funcionários da Estação Naval de Busca e Resgate (ENSAR) da Secretaria da Marinha do México identificaram os migrantes e pediram o apoio de outras instituições, como o Corpo de Bombeiros de Tijuana, para os deter.

Após uma operação de busca em terra e no mar, os migrantes não foram encontrados no lado mexicano, mas posteriormente, agentes da Alfândega e Proteção de Fronteiras (CBP) relataram que haviam sido encontrados na costa, na praia.

Esta travessia ocorre uma semana após a reabertura da fronteira entre o México e os Estados Unidos para atividades não essenciais.

Até ao momento, não há informações sobre os pedidos de asilo por parte das centenas de migrantes que se estabeleceram em Tijuana nos últimos meses e aguardam uma resolução de um tribunal dos Estados Unidos.

Também foi revelado que na noite de segunda-feira um outro grupo de migrantes foi detido nas proximidades da Garita de Otay quando tentava chegar aos Estados Unidos correndo entre os veículos que faziam fila no cruzamento.

Esta informação foi compartilhada por vídeos em redes sociais nos quais se observa que os migrantes são detidos por agentes da Alfândega e Proteção de Fronteiras, não havendo, até ao momento, qualquer informação oficial do lado mexicano.

Nos últimos dias, a Patrulha de Fronteira informou que um grupo de cerca de 70 pessoas tentou atravessar a nado desde Tijuana.

No total, a CBP levou para custódia 36 cidadãos mexicanos adultos, incluindo 13 pessoas que foram resgatadas pela Guarda Costeira. Os outros voltaram para o México e uma mulher faleceu.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG