"Let's go Brandon", a frase que se transformou num insulto a Biden

Já está em cartazes, é gritada em protestos e está a ser usada cada vez mais pelos republicanos, até no Congresso. Mas qual é o seu significado?

A 2 de outubro, o piloto Brandon Brown, de 28 anos, ganhou a primeira corrida Xfinity do campeonato NASCAR, no Alabama. Quando estava a ser entrevistado pela jornalista da estação de televisão NBC Sports, a multidão começou a gritar algo que inicialmente não se conseguia perceber. A jornalista sugeriu que seria "Let's go Brandon" (Vamos, Brandon), mas na altura já era claro que gritavam "Fuck Joe Biden".

Desde então que a frase "Let's go Brandon" se tornou num insulto ao presidente norte-americano e está cada vez mais presente em cartazes, protestos e discursos republicanos.

A 21 de outubro, o congressista republicano Bill Posey, da Florida, terminou uma intervenção no Congresso com um "Let's go Brandon". E não foi o único, o congressista republicano da Carolina do Sul Jeff Duncan usou uma máscara anti-covid com a frase no Congresso, alegando que "os americanos estão fartos e estão a fazer ouvir as suas vozes".

Também o senador do Texas Ted Cruz posou com um cartaz "Let's go Brandon!" num jogo da World Series de baseball, partilhando no Twitter com a hashtag #LetsGoBrandon.

Quando o presidente visitou um local de construção nos arredores de Chicago para promover a vacinação contra a covid, os manifestantes usaram a frase. Na semana passada, quando a coluna de veículos em que Biden seguia passou por Plainfield, em Nova Jérsia, havia um cartaz a dizer "Let's go Brandon". E um grupo gritou a expressão próximo do local onde o presidente fazia campanha a favor do candidato democrata a governador da Virgínia, Terry McAuliffe, escreve a agência de notícias norte-americana AP.

Até o ex-presidente Donald Trump, cujos apoiantes continuam a defender que as eleições de 2020 foram roubadas, está a aproveitar. O seu comité de campanha promete enviar uma T-shirt com a frase "Let's go Brandon" por cima de uma bandeira norte-americana, em troca de um donativo de 45 dólares. E numa mensagem para os apoiantes, escreveu "#FJB ou Let's go Brandon? De qualquer forma, o Presidente Trump quer que vocês tenham esta nova T-shirt icónica".

E um rapper Loza Alexander já lançou uma música, conseguindo estrear-se em número um no top de artistas emergentes, segundo a Billboard.

Nas redes sociais, a frase já virou Meme.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG