Rio

Estado de emergência

"País não perceberá Natal fechado depois do congresso PCP"

O Presidente da República deverá renovar o estado de emergência nesta semana e quer as medidas para o Natal e Ano Novo definidas. Partidos concordam com Marcelo Rebelo de Sousa, com alguns "ses" pelo meio. E à direita defende-se que na época de festas as restrições não devem impedir a celebração com a família. CDS volta à polémica da reunião magna dos comunistas.

Pedro Marques Lopes

E o PSD

Na semana passada, escrevi aqui que a questão designada por subsidiodependência não tinha o mesmo conteúdo para o PSD e para o Chega. Continuo a pensar que não tem, mas percebi pela entrevista da passada quarta-feira à TVI que para Rui Rio tem. Os comentários que fez sobre as pessoas que, malandras, não querem trabalhar para ganhar a loucura de 85 euros - sendo certo que uma grande parte delas tem menos de 18 anos - são dignos de um líder do Chega, mas não de um do PSD.