norte-americano

Premium

Volta ao Mundo

Jamaica. Muito mais do que reggae e erva

Há quase 26 anos, a primeira capa da revista Volta ao Mundo foi a Jamaica. Em novembro de 1994, falava-se de uma ilha onde era "fácil ser enganado". Ou que Kingston, a capital, era "uma mistura fervilhante de Mercedes Benz e mendigos sem abrigo" e que o bairro de Trenchtown era uma das "áreas onde os turistas não deveriam entrar". Mas será que, mais de um quarto de século depois, a ilha das Caraíbas ainda é assim?