Exclusivo Santo "pequeno verão" aquele que nos traz Martinho

Com novembro, vastas áreas do hemisfério norte acolhem um "pequeno verão" de temperaturas amenas e ausência de chuva. Ganharam nomes estes estios disfarçados: verão de São Martinho, Indian summer, verão da velha. Com o meteorologista Nuno Lopes, compreendemos esta luta vencedora do tempo ameno sobre o ríspido. Porém, a vitória é breve.

Corria 1984 e Bono Vox, vocalista da banda irlandesa U2, ofereceu ao mundo os refrães de novo tema incluído no quatro álbum The Unforgettable Fire. A música e a letra de Indian Summer Sky levou para a pop-rock referência meteorológica que vinha de longe, do século XVIII norte-americano. Subitamente, por finais de outubro e inícios de novembro, os céus nas latitudes médias do hemisfério norte tornam-se benevolentes, como cedo perceberam os colonos europeus chegados ao novo território.

Então, como agora, o outono, estação de transição, dá azo a um pequeno verão, com condições meteorológicas que se aproximam da estação mais quente do ano. Na cultura anglo-saxónica tem nome: Indian summer (verão indiano). Em Portugal, há muito que olhamos para as tréguas no azedume meteorológico de outono para lhe celebrarmos tributo em honra do santo comemorado a 11 de novembro. Martinho de Tours, homem do século IV d.C., nascido no seio do Império Romano, traz-nos a ilusão de um estio em tempo de agasalho. Tão milagroso quanto a lenda que carrega o santo Martinho, nascido no território da atual Hungria, falecido na Gália e com uma vida que acomodou o mester de cavaleiro do exército romano, mas também o de monge e de cristianizador.

Mais Notícias