Exclusivo "Menino veste azul, menina veste rosa." A posse dos ministros de Bolsonaro em 12 frases

Os 22 membros do novo governo do Brasil produziram frases de efeito ao assinarem a constituição nos dias seguintes ao presidente. Damares Alves, ministra dos Direitos Humanos, foi a mais inspirada.

Depois da tomada de posse de Jair Bolsonaro no primeiro dia de 2019 já ter gerado um punhado de frases de efeito - "hoje é o dia em que o Brasil se começa a libertar do socialismo e do politicamente correto" ou "a nossa bandeira nunca será vermelha" -, as posses dos 22 ministros do novo presidente do Brasil também foram produtivas em sound bites. "Deus", omnipresente no discurso do novo executivo, fez parte de quase todos as comunicações, assim como "pátria", "família" e outros temas caros à extrema-direita. O "marxismo cultural" e o "pensamento gramsciano" também estiveram presentes mas, claro, como modelo de ensino a combater, segundo o novo titular da educação. E ouviram-se ave-marias em tupi, língua indígena, e referências a músicos, como Raul Seixas ou Renato Russo, na alocução do ministro das Relações Exteriores. O momento alto, porém, pertenceu a Damares Alves, a nova ministra dos Direitos Humanos, que determinou a cor da roupa das crianças brasileiras nesta nova era.

"Começou uma nova era no Brasil, menino veste azul, menina veste rosa."

Mais Notícias

Outras Notícias GMG