Sindicatos avançam para greve conjunta se Santander e BCP prosseguirem com despedimentos

Os sete sindicatos do setor bancário estiveram hoje reunidos e analisaram os temas que afetam atualmente os bancários, "em particular" as situações específicas do Santander, BCP, CGD, Montepio e Parvalorem.

Os sindicatos da banca anunciaram esta terça-feira que vão avançar para a realização de uma greve conjunta este mês de setembro se o Santander e o Millennium bcp mantiverem a intenção de prosseguir com despedimentos coletivos.

A decisão foi tomada numa reunião que teve lugar hoje na qual os "os sete sindicatos do setor bancário "fizeram uma análise sobre os temas que afetam os trabalhadores bancários e, em particular, sobre as situações específicas do Banco Santander Totta (BST), Banco Comercial Português (BCP), Caixa Geral de Depósitos, Montepio Geral e Parvalorem".

Os sindicatos são o Sindicato Nacional dos Quadros Técnicos e Bancários (SNQTB), Mais Sindicato, o SBN, SIB, SBC, STEC e SinTAF.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG