Portugal e Eurostat negoceiam efeito da CGD no défice de 1,4% em 2017

Se apoio à CGD caísse todo este ano, em vez de 1,4%, o défice subiria para 3,5% do PIB. Eurostat e INE continuam a negociar. É "complexo".

Portugal e o Eurostat negoceiam há meses como tratar no défice o custo com a recapitalização da Caixa Geral de Depósitos (CGD) e ainda não chegaram a uma conclusão. Ou seja, o Eurostat veio lembrar que oO indicador do défice público projetado pelo governo para este ano, cerca de 1,4% do Produto Interno Bruto (PIB), não é ainda um valor definitivo.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG