Montepio aprova oferta "amigável" e revê custo da OPA em baixa

Operação deverá custar 86,5 milhões de euros, quase menos 20 milhões que as previsões apresentadas no anúncio preliminar

A administração da Caixa Económica Montepio Geral (CEMG) anunciou esta segunda-feira a sua posição oficial relativamente à Oferta Pública de Aquisição (OPA) lançada pelo seu maior acionista, considerando a mesma como "amigável" e de preço justo, já que este se "se encontra num intervalo de valorização (...) que se considera contemplar de modo relevante os interesses dos destinatários da Oferta".

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG