Treinador surpreendido com festa dos jogadores do PSG após derrota com o Dortmund

Thomas Tuchel não gostou de ver os seus jogadores numa festa um dia depois de o clube ter sido derrotado na Liga dos Campeões. "Não ficámos orgulhosos com estas imagens", disse.

O treinador do Paris Saint-Germain confessou que ficou "verdadeiramente surpreendido" com as imagens dos futebolistas do clube numa festa, na quinta-feira, depois da derrota por 2-1 em Dortmund, para os oitavos de final da Liga dos Campeões de futebol.

"Ontem [na sexta-feira] fiquei verdadeiramente surpreendido com esse vídeo, com esta forma de festejar. Falámos internamente, podem estar certos disso", afirmou Thomas Tuchel, em conferência de imprensa.

Vários jogadores do bicampeão francês surgiram, na sexta-feira, em vídeos divulgados nas redes sociais, na comemoração dos aniversários de Icardi, Cavani e Di Maria, todos nascidos em fevereiro.

"Isto deve permanecer no foro interno. Era um dia livre, é a vida privada...", referiu o técnico alemão, rematando: "Não ficámos orgulhosos com estas imagens".

O Paris Saint-Germain, que lidera a Liga francesa com 10 pontos de vantagem sobre o Marselha, perdeu por 2-1 no terreno do Borussia Dortmund, na primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG