Sérgio Conceição: "Isto é uma maratona e estamos na luta"

O treinador do FC Porto considerou o clássico "um grandíssimo jogo de futebol" e destacou o "grande caráter emocional" dos seus jogadores.

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, disse que a sua equipa "sempre" acreditou na vitória frente ao Benfica e na consequente redução da desvantagem para o primeiro lugar, que está agora a quatro pontos de distância.

"Ganhámos apenas três pontos, não interessa vencer este jogo se contra o próximo adversário não trouxermos os três pontos. Isto é uma maratona e estamos na luta, acreditamos no que fazemos. Temos um balneário, um grupo, muito equilibrado e competitivo", sublinhou, já depois de considerar que este clássico "foi um grandíssimo jogo de futebol, com intensidade, duas equipas a quererem ganhar, com grandes jogadores em campo".

"Preparei o jogo no sentido de sermos uma equipa pressionante, mas de forma organizada, e não de forma individual. Coletivamente tínhamos de ser fortes e a anular a primeira fase de construção do Benfica, obrigando à bola longa, e pelos duelos ganhos fomos superiores no que foi à aproximação também da segunda bola", explicou, revelando depois o resto da estratégia: "Explorámos com bola algumas das fragilidades do Benfica. Tivemos inúmeras oportunidades, tivemos a infelicidade, e mérito do Benfica, de marcar no primeiro remate à baliza na primeira parte, e na segunda igual."

Sérgio Conceição destacou ainda que a sua equipa foi "de grande caráter emocional". "Parabéns aos mesmos jogadores, que fizeram um excelente jogo contra uma equipa forte. Tivemos oportunidades para aumentar a vantagem, mas não fomos eficazes, se não sairíamos com um resultado volumoso."

Sérgio Oliveira: "Podem contar connosco até final"

Já Sérgio Oliveira, que abriu o marcador no Dragão, garantiu que "uma equipa como o FC Porto nunca desiste". "Está-nos no ADN. Hoje marcámos presença, estamos mais perto do primeiro lugar. Vamos manter até ao fim. É normal, numa época, haver altos e baixos. O importante é o presente e o futuro, o passado já lá vai. No presente, demos uma boa resposta e vamos continuar até final do ano. Estamos na luta, podem contar connosco até final", disse, considerado que o FC porto foi "superior em todos os aspetos" e por isso conseguiu a vitória.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG