Peru fora do Mundial e a Itália a sonhar?

Possível intervenção governamental na federação daquele país levaria a FIFA a excluir os peruanos do Mundial

Para já não passa de um mera hipótese, mas há razões para a Itália sonhar com uma repescagem para o Mundial da Rússia de 2018.

A história é simples. O Peru, a última seleção a conseguir o bilhete para o Mundial, corre o risco de ficar de fora da prova devido a questões políticas. Como se sabe, a FIFA não permite qualquer intervenção governamental nas federações e, de acordo com o jornal "Libero", Paloma Noceda, uma congressista peruana, pretende avançar com um projeto-lei que determina a passagem do controlo da federação de futebol daquele país para o governo.

Se isto acontecer, a FIFA não irá perdoar e poderá excluir o Peru do Mundial. E é aqui que entra a Itália, pois o órgão que rege o futebol mundial teria de escolher uma outra seleção para ocupar a vaga em aberto.

No entanto, a congressista peruana também não quer ver a seleção de fora. "Pode existir preocupação na FIFA, mas precisamos de fazer as coisas em função do bem do desporto peruano. Nenhum projeto de lei impedirá que o Peru vá ao Mundial. Se isto afetar o Peru, debate-se e retira-se", referiu Paloma Noceda.

Mais Notícias