Sporting reclama o que lhe é devido. Inter fala insinuações inaceitáveis

Em comunicado, os leões consideram que Inter Milão e jogador usaram "um expediente" para se "eximirem" do que contrataram em 2016 e que obrigava ao pagamento de 30 milhões de euros no caso de o atleta assinar por outro clube português. Italianos não gostaram do comunicado leonino.

O Sporting não perdeu tempo a reagir ao anúncio oficial de João Mário como novo jogador do Benfica e, em comunicado, deixou bem claro que irá agir judicialmente para receber a indemnização prevista na cláusula antirrivais, no valor de 30 milhões de euros.

Os leões consideram que "foi usado um expediente para que o Inter e o jogador João Mário se procurassem eximir ao que contrataram" com o Sporting em 2016 e que implica "um pagamento adicional de 30.000.000€ se e quando o jogador viesse a ser inscrito a favor de clubes portugueses", entre os quais o Benfica.

O Sporting "não deixará de defender os interesses em sede própria, responsabilizando os intervenientes pelos danos causados e pelo incumprimento das obrigações assumidas."

Quem não gostou nada deste comunicado foi o Inter Milão, que respondeu também numa nota publicada no site oficial na qual consideraram as considerações apresentadas como sendo "inaceitáveis, extremamente sérias e, acima de tudo, sem fundo verdadeiro". Nesse sentido, o Inter garante que irá "proteger a sua imagem e reptação nos fóruns apropriados".

Leia o comunicado do Sporting na íntegra:

"Em face das notícias vindas a público ontem e hoje, a Sporting SAD informa o seguinte:

Em 2016, aquando da transferência do jogador João Mário do Sporting CP para o FC Internazionale Milano, o clube italiano e o jogador João Mário comprometeram-se, entre outras coisas, a efectuar um pagamento adicional de 30.000.000€ se e quando o jogador viesse a ser inscrito a favor de clubes portugueses, entre os quais o SLB;

Como é público e notório, o FC Internazionale Milano e o jogador João Mário acordaram, ontem, na cessação, por acordo, do contrato de trabalho que os unia, para que o jogador, acto contínuo, se vinculasse mediante contrato de trabalho com o SLB; isto depois de o FC Internazionale Milano ter recusado uma proposta da Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD pelo jogador em causa;

É convicção do Conselho de Administração da Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD que foi usado um expediente para que o Inter e o jogador João Mário se procurassem eximir ao que contrataram com a Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD em 2016;

E que esse expediente só ilustra que todas as partes sabiam as obrigações que assumiram em 2016 e a que, volvidos 5 anos, pretendem furtar-se;

A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD não alimentará publicamente este folhetim, que visa desviar as atenções incómodas sobre outros assuntos da actualidade;

Mas não deixará de defender os interesses do Sporting Clube de Portugal e da Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD em sede própria, responsabilizando os intervenientes pelos danos causados e pelo incumprimento das obrigações assumidas."

Mais Notícias

Outras Notícias GMG