Árbitro expulsa jogador por causa do apelido

Num jogo do quinto escalão inglês, Sanchez Watt viu o cartão vermelho porque juiz pensava que estava a ser desrespeitado

Acontece de tudo no futebol. Desta vez, foi num jogo do quinto escalão inglês, a National League, que opôs o Hemel Hempstead Town e o East Thurrock, que o árbitro Dean Hulme decidiu expulsar o jogador Sanchez Watt por ter entendido que estava a ser gozado... What?

Vamos a factos. Sanchez Watt vira o cartão amarelo e o árbitro dirigiu-se a ele e perguntou-lhe o nome para que pudesse apontar no seu bloco... O jogador, de forma inocente, respondeu Watt. Dean Hulme voltou a perguntar-lhe o nome e a resposta saiu igual Watt, a cena repetiu-se. O problema é que Watt pronuncia-se da mesma forma que "What", que em português quer dizer "O quê".

O árbitro perdeu a paciência e, pensando que estava a ser desrespeitado, puxou do cartão vermelho e deu ordem de expulsão ao pobre Watt. É então que surge o capitão do Hemel Hempstead Town a desfazer o equívoco. Depois de tudo esclarecido Dean Hulme acabou por retirar o vermelho e Watt pode continuar em campo.

"Foi um engano e o árbitro foi homem o suficiente para o retificar. No final toda a gente acabou por achar divertido, incluindo o árbitro", disse Dave Boggins, presidente do clube, à BBC.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG