"Se o Axl estivesse de pé não se sabe o que poderia acontecer!"

Zé Pedro, guitarrista dos Xutos & Pontapés assistiu ao concerto de Lisboa dos AC/DC e não tem dúvidas: Axl Rose está em grande forma

Como correu o concerto desta noite de estreia da nova formação dos AC/DC em Lisboa? Viu-os recentemente em Madrid na anterior formação...

Gostei imenso do concerto! Primeiro porque não choveu. E depois o Axl Rose esteve muito bem, ele é um grande cantor muito carismático. Roubou algum protagonismo ao Angus Young. Depois a banda esteve toda muito, muito bem e fez um alinhamento muito inteligente do espetáculo. Primeiro as músicas menos conhecidas que permitiram aquecer a voz. O Axl tem uma voz muito carismática e dá o seu cunho no resultado final das canções.

Em que tema ou temas dos AC/DC gostou mais de ouvir o novo vocalista?

Em vários, esteve bem no Highway to Hell, no Hells Bells, nos grandes hits esteve muito bem. Ele está em grande forma, puxou bem pelos agudos mas não tentou imitar o Brian Johnson. Nem precisava de o fazer porque ele tem um estilo muito próprio. Foi uma grande noite de rock. Foi pena estar um bocadinho de frio...

Está rouco porque cantou muito?

[risos] Sim, e por causa do frio. Felizmente parou de chover mas ficou muito frio.

E o facto de Axl Rose ter atuado sentado não foi estranho? Prejudicou o espetáculo?

Não. O Brian Johnson habitualmente também não tem uma presença muito forte em palco. O Axl esteve mesmo muito bem, mesmo sentado no trono. Tem um carisma muito grande. Se sentado foi assim, se ele estivesse de pé não se sabe o que poderia acontecer [risos]!

Mais Notícias