BD biográfica "O árabe do futuro 2" editada em Portugal

O segundo volume da trilogia de banda desenhada biográfica "O árabe do futuro", do autor franco-sírio Riad Sattouf, no qual descreve a infância na Síria e na Líbia, é editado este mês em Portugal.

O árabe do futuro - Ser jovem no Médio Oriente é uma premiada trilogia de banda desenhada autobiográfica de Riad Sattouf, autor francês de ascendência síria, filho de pai sírio e de mãe francesa.

Através da história pessoal, o autor traça um retrato social e político dos países onde viveu, em particular os do Médio Oriente: a Líbia do tempo de Muamar Kadafi e a Síria presidida em tempos por Hafez Al-Assad, pai do atual presidente, Bashar Al-Assad.

No primeiro livro, Riad Sattouf relatava os primeiros anos da infância - até aos seis anos - e centrava-se sobretudo na figura do pai, sírio de origem sunita, que estudou em Paris para fugir ao serviço militar.

No segundo, Sattouf desenhou a vida dele na Síria entre 1984 e 1985, quando entrou para a escola primária.

Ao longo de mais de 150 páginas, o autor descreve o relacionamento com outras crianças - marcado pelo profundo ódio aos judeus - o ambiente escolar, de violência psicológica e física por parte da professora, o espírito de exaltação à pátria síria e veneração de Hafez Al-Assad, e expõe os níveis de pobreza e desigualdade no país.

O terceiro volume desta biografia, ainda inédito em Portugal, sairá no mercado francês em outubro. Em todo o mundo, os livros superaram um milhão de exemplares vendidos.

O árabe do futuro - Ser jovem no Médio Oriente valeu em 2015 a Riad Sattouf o prémio de melhor álbum de banda desenhada do Festival de Angoulême, em França.

Nascido em Paris em 1978, Riad Sattouf passou a infância com a família em países muçulmanos, tendo regressado a Paris aos 12 anos. É autor, ator e realizador de cinema - é dele a comédia Uns belos rapazes (2009) -, Riad Sattouf assinou ainda entre 2004 e 2014, uma tira de banda desenhada semanal no jornal francês Charlie Hebdo, intitulada La vie secrète des jeunes.

Em Portugal, O árabe do futuro sai com o selo da Teorema.

Mais Notícias